RUA ACÁCIO PAIVA Nº27 R/C 1700-004 LISBOA-PORTUGAL
GERAL@APPLETONSQUARE.PT | WWW.APPLETONSQUARE.PT
TEL.: +351 210 993 660
 
 
       
Próximo
Next
Anterior
Previous
         
     
Divina ProporÇÃo: relaÇÕes entre a arte e a mÚsica ao longo do tempo (da Idade MÉdia ao sÉc. XX)


Curso “Divina Proporção”
As linhas de força deste curso são as da abordagem de diferentes momentos da História através das suas referências artísticas, privilegiando a música e a palavra que lhe está associada. Pretende-se, pois, fazer uma interpretação de movimentos, correntes, escolas e grupos através das suas criações auditivas e visuais num percurso cronológico. A abordagem realizar-se-á de uma forma conjuntural e temática, situando as obras no seu espaço/tempo criativo e referindo ou diagnosticando as diferentes interacções. Através do carácter social, abordar-se-á a arte e a harmonia como trabalhos humanos com forte ligação às respectivas técnicas, indicando o resultado da relação entre uma actividade mental e outra operacional que se vai mantendo e elaborando desde as primeiras produções medievais até à introdução e utilização sistemática das novas tecnologias.


Coordenação/ Formação
Ana Mântua


Horário
25 Jan, 1, 8, 15, 22 Fev, 1 Março | das 18h30 às 20h30
(inclui coffee-break)


Preço
Curso completo: 120€
Por sessão: 20€






Contactos / Inscrições
Rua Acácio Paiva nº27 r/c 1700-004 Lisboa
Tel.: +351 210 993 660, das 14H às 19H
geral@appletonsquare.pt
www.appletonsquare.pt




PDF

Ficha de Inscrição
  Programa do Curso

Primeira Sessão
A Música enquanto linguagem: cruzamentos entre as diversas formas artísticas:
A Música e a Literatura
A Música e a Arquitectura
A Música e a Pintura
A Música e as diversas artes
As origens da notação musical e os cruzamentos com os manuscritos iluminados medievais.
A Ars antiqua na música, comparada com as criações artísticas dos séculos II a XIV, no caminho iniciado para o Renascimento.

Segunda Sessão
Ars nova: o desenvolvimento do novo estilo iniciado, no século XIV, por Philippe de Vitry, florescente com principal incidência em Itália e em França.
As tradições medievais nas Belas-Artes e Arquitectura do Quattrocento.
Vestígios da polifonia de origem medieval na Itália dos Humanistas.
Sentimentos individuais e sensualidade no Renascimento.
O número e a sua ordem: experimentação e cálculo.

Terceira Sessão

As Formas Barrocas:
A Itália e o surgimento de um novo estilo contra-reformado.
Italianismos e fantasias na corte do Rei-Sol.
A Flandres, os Países-Baixos e a Inglaterra de 1600 a 1750
O caso alemão ou o triunfo da razão

Quarta Sessão
O Período Clássico – Música do Iluminismo.
O ressurgimento das formas da Antiguidade e a sua reinterpretação.
O contributo austríaco.
O Império francês.

Quinta Sessão
O Romantismo, drama e poesia.
O Movimento Nacionalista e o surgimento de um sentimento patriótico.
Richard Wagner e a “Obra de Arte Total”.
CONCERTO FINAL

Sexta Sessão
Os inícios do século XX.
O Impressionismo.
As expressões artísticas anteriores à Segunda Guerra Mundial.
As artes após a Segunda Guerra Mundial.



Imagens








appleton square © 2007-2015

MECENAS HCI/HTECNIC E CT-COBERT TELHAS